Gestor em Ação

Sexta, 11 Dezembro 2020 05:05

Bernardo Morais compartilha experiência no sistema penitenciário de MT

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

Bernardo Morais relata que foi criado um comitê de direção estratégica, onde eram realizadas discussões mensais sobre todos os caminhos a serem tomados para uma melhor gestão na pasta.

Atuando como gestor governamental desde 2014 no sistema penitenciário, Bernardo Morais Filho conta que durante sua experiência já participou da elaboração de vários produtos, mas o que mais sentiu retorno foi na gestão estratégica, ou seja, na inserção de uma estrutura organizacional da extinta Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh).

De acordo com o gestor, a Sejudh sempre trabalhou com uma perspectiva de déficit orçamentário que prejudicava o planejamento da pasta. Isso significa que a secretaria realizava um planejamento, porém com o decorrer do ano se tornava um dever contingenciar os gastos.

“O total que a secretaria dispunha era insuficiente parra cumprir com as suas demandas essenciais. Isso gerava um serie de transtornos, trabalhos que não tinham desenrolar satisfatório, processos que eram criados e frustrados...”, aponta o gestor.

Bernardo relata que foi criado um comitê de direção estratégica, onde eram realizadas discussões mensais sobre todos os caminhos a serem tomados para uma melhor gestão na pasta.

“Esse  âmbito envolvia tanto as questões orçamentárias, como a movimentação de servidores, respostas externas... Criou-se um ambiente de comunicação entre os vários setores da secretaria e facilitou primeiro a visão sobre o que acontecia na secretaria e as decisões do secretário ficaram mais fundamentadas na realidade e nas consequências que seriam geradas na pasta”, finaliza o gestor.

Abaixo, o depoimento completo de Bernardo Morais por ocasião da comemora dos 20 anos da carreira de gestor governamental de Mato Grosso.

Última modificação em Sexta, 11 Dezembro 2020 05:19

Mídia

Siga-nos